Inovar é preciso: mídias sociais e seu uso na Comunicação Interna

Quando pensamos em tecnologia e comunicação interna logo nos vem à cabeça: intranet. Um meio muito usual e, tendo boas funções e uso, é um dos mais dinâmicos de muitas empresas. Porém, hoje temos muitas ferramentas que podem ser incorporadas ao ambiente corporativo de uma forma simples e ainda mais atrativa para os funcionários: as mídias sociais!

As pessoas sentem cada vez mais necessidade de se conectar e compartilhar ideias. Uma vez que a população está utilizando muito mais as redes, estar presente nelas, não só para seu posicionamento no mercado mas, também para o público interno, é uma medida dinâmica e inovadora.

Os funcionários podem ter voz! O uso das redes permite dinamizar a comunicação, facilitar o engajamento dos funcionários e até diminuir as diferenças hierárquicas pois, as pessoas podem falar entre si de forma mais horizontal.

A criação de grupos no Facebook e Whatsapp são exemplos que veem criando espaço e boa aceitação do público interno. É claro que a organização deve estar disposta a dialogar com os seus funcionários de uma maneira saudável e saber impor regras e deixar o ambiente virtual saudável.

Estar presente nas mídias sociais também significa feedback e mensuração. Não basta abrir um canal sem um propósito e não ter uma opinião dos usuários e uma contabilidade de visualizações e interações.
Sim, inovar é preciso e se conectar mais ainda! Porém, toda empresa disposta a fazer isso deve alinhar-se bem a cultura da empresa em todas as suas ações pois, para ter um PAPO ABERTO é preciso interação!

 

– Por Laura Magalhães

Case de Sucesso !

Como já dissemos aqui no blog, a comunicação interna tem um papel indispensável dentro das organizações. Mas como fazê-las, sem ser monótono e saindo da mesmisse? Aproveitando o clima de Copa do Mundo e a febre do álbum de figurinhas, vamos mostrar como a Vale do Rio Doce marcou um “golaço”.

VALE – ÁLBUM DE FIGURINHA
Com a intenção de integrar os seus milhares de funcionários espalhados por todo Brasil, a mineradora Vale, maior multinacional brasileira, levou a sensação de infância aos seus funcionários e criou um álbum de figurinhas corporativo.

O álbum foi distribuído gratuitamente entre os funcionários, para que pudessem presentear seus filhos com cultura e entretenimento. Mas que isso, as 16 páginas da coletânea serviram para educar pais e filhos, sobre como funciona a complexa cadeia de mineração do país, os negócios da maior multinacional brasileira, curiosidades, itens importantes para cultura da empresa, como missão visão e valores e etc.

O projeto conseguiu despertar o sentimento de orgulho dentro dos funcionários da Vale, de ser integrante de todo aquele processo, além de integrar os funcionários, que criaram várias redes de relacionamentos entre eles, para que as trocas de figurinhas fossem um sucesso.

O resultado foi um sucesso! Mais de 33 mil exemplares, 5 milhões de figurinhas impressas, 4 mil álbuns completados e, dentre estes, 15 viagens sorteadas para funcionários e suas famílias.

 

– Por José Fuzioka